2000INOVE

Sinto o cheiro de um mar de novidades. Se os fogos de Copacabana vão me acender, deixo as pegadas nas areias de Ipanema. Passagens compradas, biquínis em dia, máquina para as fotos de Orkut e vídeos no Multiply. Paz mundial, tratado de Kyoto, desaquecimento global acompanhado de aquecimento da economia, com batata frita e muito chopp gelado, por favor. Pode ser?

Sete ondas que espero que batam na minha praia:

1. Muita saúde o ano todo para TODOS os que eu amo (a gente sempre negligencia essa parte, mas a falta de saúde levou embora uma das maiores dádivas da minha vida e, por pouco, não leva outra também);
2. Uma coleção inesgotável de prazeres grandes, médios e pequenos colorindo os rituais diários da existência;
3. A esperança de que amanhã será sempre melhor que hoje;
4. A certeza de que hoje é bem melhor que ontem;
5. Alguns motivos para chorar, mas que a maioria deles seja de felicidade;
6. Muito dinheiro no bolso, na bolsa, carteira, conta corrente, poupança e investimentos de médio e alto risco;
7. Que o Amor sempre vença o Orgulho.

Para o bom velhinho, peço que nesse Natal a família suporte a perda, e, ainda assim, abra os braços e os sorrisos ao novo. E que a ceia não seja manchada com muitas lágrimas (tantas, inevitáveis).

Fim de ano, muitas considerações sobre passado, presente, futuro.
Certa vez, um homem muito especial me disse que eu procurava o impossível em termos de relacionamento: a mistura ideal entre um David Beckham com o imprevisível e apaixonado Indiana Jones. Eu não sabia, mas naquele momento ele estava certo. Canalha! Hoje, não lembro ainda quem eu sou. Estou descobrindo, especialmente, o que eu não quero.

Aprendi:

“Dar solamente aquello que te sobra
Nunca fue compartir, sino dar limosna, amor.
Si no lo sabes tu, te lo digo yo.”

Tarde? Cedo? Cedo sim, mas se valer a pena.
Escrúpulos? Tenho. Até demais. Mas Vênus em escorpião está aprendendo a soltar mais para compartilhar; a ser mais selva, menos leoa; mais humana, menos arco-e-flecha.

Importa que ame, não tente entender.

Anúncios

4 comentários Adicione o seu

  1. Ai, a sede de viver 😉Beijos e alegrias nessas festas!

    Curtir

  2. Ana disse:

    “que o amor vença o orgulho” foi algo que me tocou. se eu souber transformar isso em algo reconhecível, talvez o amor de outrem vença o orgulho de hoje. só o de hoje. e já estaria de bom tamanho. bjs

    Curtir

  3. fellini disse:

    lesadinho e com pupila dilatada…passenado pelos blogs achei o teu..não me culpe…gostei…leve e cheio de partilhaabraços?fellini ?http://serabenedito.blig.ig.com.br/

    Curtir

  4. Anana disse:

    Amei seu layout novo!E que em 2009 a gente ame mais e complique menos… Sem procurar entender, pois a vida, como diria Clarice, ultrapassa qualquer entendimento!Beijos!

    Curtir

!Inquiete-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s